Desafio A A Z Resenha: Cavaleiro e a Donzela, O.

Para compensar esses dias de ausência trago a resenha do meu livro favorito (um dos, rsrs). Resenha com a letra C.
_ Cavaleiro e a Donzela, O.



Conta a história da jovem lady francesa Celeste Montcalm e sua viagem para a Inglaterra, uma terra distante e desconhecida. O motivo da viagem é seu noivado com Walter Ormond, casamento que fora arranjado há oito anos num tradicional torneio.

Apesar de sempre ter sido a pessoa mais amável e doce, seu pai não gostava dela, pois depois das irmãs mais velhas ansiava por um filho. Foi quando nasceu Celeste que desagradou ao pai.

Depois de prometida em casamento ao Lord Inglês, o pai de Celeste deu grande parte dos bens como dote para as primeiras filhas e reservara parte de suas propriedades para para o filho, que enfim, nasceu depois de Celeste. Restando à pobre moça um dote composto por algumas talheres de prata.

Mesmo assim ela não se deixou abater, continuava amando o pai e entendendo seus motivos, mesmo que ela tenha sido a única filha a ser prometida a um casamento fora do seu país.

Ao completar os dezoito anos Celeste parte com uma comissão para a Inglaterra, acompanhada por uma tia e uma aia (acompanhante) e seu grande amigo sargente Gaston. No caminho perdem parte da comitiva. O clima da Inglaterra é muito diferente da França, e alguns cavaleiros e a própria aia de Celeste são mandados voltarem para o país natal. Apesar da jovenzinha ser confiante e sempre alegre as coisas pioram ainda mais. Em meio a uma forte tempestade a carruagem que a levava vira e sua tia Margareth ficou presa.

A partir desse momento a história se desenrola... Para ajudar no resgate da tia Pierre, que também faz parte da comitiva de Celeste, busca ajuda num mosteiro da Ordem dos Franciscanos. É quando ela se depara com ele *-* A princípio os freis ajudam a retirar a tia que está presa e levam todos para o Mosteiro para se abrigarem do mau tempo.

Incapaz de prosseguir viagem, Margareth fica aos cuidados dos franciscanos e Celeste parte em viagem para o Castelo Ormond. Mas o frei responsável pelo Mosteiro manda Guy acompanhar a lady francesa até seu destino, e tal decisão o pertubou. Já havia abdicado de companhias femininas há 6 meses. O frei então faz com que Guy faça o voto de silêncio onde não poderá falar nada até o dia do casamento de Celeste.

A partir dai a viagem começa, cheia de imprevistos, humor e romantismo 'recatado'. Que sentimentos se escondem por debaixo do hábito de um humilde franciscano? E até onde vai o sonho romântico da lady Celeste que sonha com seu Cavaleiro do Coração Leal, o herói do seu livro favorito. Ela pode descobrir que a vida pode ser muito diferente dos livros...


Não deixem de ler, uma história romântica que envolve a cada palavra. Simplesmente o melhor romance romântico *-*


3 comentários:

  1. Oi Paula!

    O que não me atraiu muito no livro foi ele ser de época... não gosto muito de livros assim. Mas por outro lado, adoro esse tipo de romance! É o meu preferido, sou apaixonada por romances. Gostei do enredo desse e muito da sua resenha! rs

    Beijos,

    Marcelle
    bestherapy.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Tudo bem. Sou a Leia Bous e vim apresentar o livro do meu amigo escritor Ulisses Sebrian. O livro é um delicia emocionante e um pouco picante. Chame-se o Diário do amor e da Felicidade. Basta dar um click no link para ler. Amei. Bjos.
    https://www.clubedeautores.com.br/book/140574--O_diario_do_amor_e_da_felicidade

    ResponderExcluir